Vereadores vistoriam obras atrasadas em Araripina, PE

08/04/2016 13h13
Os vereadores Luis
Henrique Coelho (PSL), líder da oposição e Aderval Régis (PMDB) do bloco
independente, estão coordenando desde a manhã desta quinta-feira (07), no ato
de supervisão em obras no município de Araripina (PE). São fiscalizadas pelos
parlamentares 11 escolas, 2 creches, 4 quadras poliesportivas e a construção da
Unidade de Pronto Atendimento 24 horas – UPA. A verificação deve durar 2 dias.
Nenhum dos equipamentos alvos da inspeção foram
acabados e estão com prazo de conclusão vencido. A UPA, por exemplo, deveria
estar funcionando desde o mês de Junho de 2015. A maioria dos prédios citados
estão sendo alvos de investigação pela Operação Paradise, sob notórios casos de
desvio de recursos. A bancada de oposição já formulou diversas denúncias junto
ao Ministério Público e Federal, referentes a vicio, irregularidades e indícios
de fraudes na gestão atual.
– “É explícito a incineração do dinheiro público nas
obras dirigidas pela prefeitura de Araripina. O que encontramos ontem (07),
durante nosso roteiro de fiscalização é uma verdadeira defasagem administrativa
que, por incompetência e falta de fraternidade pela população não consegue
entregar, sequer, uma obra. As escolas, creches e quadras poliesportivas que
visitamos nesta quinta-feira estão todas abandonadas. Não encontramos nenhum
trabalhador nos locais e ao que parece, há muito tempo, essas construções estão
pausadas. É notório, assim como expôs a Polícia Federal, as ações de desvio de
dinheiro em pelo menos 18 empreendimentos públicos em fase de edificação
geridos pela prefeitura de Araripina nos últimos 4 anos da gestão PSB. Todas as
imagens feitas serão anexadas à um dossiê, elaborada pelas bancadas
independente e oposição na Câmara municipal, para que possamos proceder com
novas denúncias ao Ministério Público Federal e Controladoria Geral da União”

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro