Silvio Costa vai ao Ministério Público pedir processo de investigação contra FHC

21/02/2016 16h15
Vice-líder do governo
Dilma (PT) na Câmara Federal, o deputado Silvio Costa (PTdoB) vai pedir ao
Ministério Público a abertura de um processo de investigação do ex-presidente
Fernando Henrique Cardoso (PSDB). A solicitação do deputado é uma reação à
denúncia da jornalista Mirian Dutra, que disse ter recebido recursos de FHC,
por muitos anos, na Espanha, por meio de uma empresa privada para bancar suas
despesas e de um suposto filho.
“Considero grave a
denúncia. Se fosse com o Lula, o PSDB estaria pedindo a sua prisão. Há um
tratamento desigual, por parte da imprensa brasileira, em relação aos políticos
que varia conforme o partido”, afirma Sílvio Costa.
Ao jornal Folha de S.
Paulo, Mirian Dutra – que manteve um caso extraconjugal com FHC, nos anos
1980/1990 – revelou que a empresa Brasif S.A Exportação e Importação foi
utilizada por FHC para enviar recursos ao exterior para ela e seu filho, Tomás
Dutra, que seria filho da relação com o ex-presidente.
O deputado Sílvio Costa
vai pedir ao Ministério Público que seja dado o mesmo procedimento
investigatório aplicado ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), que
foi acusado de ter usado dinheiro de uma empreiteira para pagar despesas da
amante.

O vice-líder do governo
considera ser necessário que o público saiba a origem e legalidade do dinheiro
repassado – cerca de 100 mil dólares, segundo a jornalista – e qual a razão
dele ter sido enviado dessa forma. “É preciso saber por que o filho dele
recebia pensão através de uma empresa privada”, vai questionar Sílvio Costa. Do Jamildo

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro