Santa Cruz é primeira cidade do Araripe a assinar manifesto para compra de vacinas contra o coronavírus

Santa Cruz é a primeira cidade do Araripe a aderir ao consórcio público municipal para aquisição de vacinas contra a COVID – 19.
O objetivo do consorcio é estabelecer uma alternativa técnica e juridicamente segura para a aquisição de vacinas, além de medicamentos, equipamentos e outros insumos de interesse dos municípios.

A criação do consórcio para compra de vacinas contra a Covid-19 recebeu mais de 100 adesões nesta segunda-feira (1º), em todo o Brasil, no primeiro dia para manifestação de interesse por parte de prefeitos e prefeitas. Hoje já são mais de 800 prefeituras que manifestaram interesse pela a aquisição da vacina.

O movimento liderado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP) deu prazo até sexta-feira (5) para que os municípios façam a adesão. A previsão é que a associação seja constituída, legalmente, até 22 de março para, depois disso, possa atuar na aquisição de imunizantes.

De acordo com a Secretária de Saúde do município, Ryvalda, a compra de vacina por meio do consórcio público evitará a competição federativa além de conferir segurança jurídica, dando ganho de escala e negociando melhores preços, prazos e condições contratuais.

É importante destacar que, esta semana a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ajuizou no STF ação que permite a compra e fornecimento de vacinas contra a COVID-19 por estados, municípios e Distrito Federal.

Ascom