O presidente do Banco do Brasil, André Brandão, renunciou ao cargo, hoje. A saída do executivo acontecerá no dia 1º de abril, de acordo com fato relevante publicado na Comissão de Valores Mobiliários. As informações são da CNN.

Segundo o documento, Brandão entregou a renúncia ao presidente Jair Bolsonaro, ao ministro da Economia, Paulo Guedes, e ao presidente do conselho do BB, Hélio Lima Magalhães.

Sendo a renúncia for aceita por Bolsonaro, a indicação do novo CEO do BB deverá acontecer segundo as regras estabelecidas para a troca no comando.