Foi assinado no último sábado (15), mais um convênio entre a Prefeitura de Araripina e o Hospital e Maternidade Santa Maria (HMSM) que garantiu a doação de 10 incubadoras que serão instaladas na UTI Neonatal. A unidade está em fase de acabamento e será aberta nos próximos dias. O ato aconteceu no Santa Maria e o convênio assinado pelo prefeito Raimundo Pimentel, o vice-prefeito Evilásio Mateus, a diretora do hospital, Irmã Luíza Mota, e a assistente social Irmã Fátima Alencar. A ex-deputada estadual Socorro Pimentel também participou.

Para o prefeito Pimentel, a parceria entre a Prefeitura e o HMSM tem garantido recursos para a manutenção dos serviços e melhoria no atendimento à população. “A prefeitura tem feito um enorme esforço para que o Hospital Santa Maria seja fortalecido cada vez mais. Por isso, entre 2020 e os primeiros meses de 2021, repassamos mais de R$ 20 milhões para as Medianeiras da Paz. E a doação dessas incubadoras, vai permitir que os bebês prematuros que precisem desses equipamentos, tenham essa assistência aqui em nossa cidade”, concluiu.

“Lutamos muito e hoje estamos realizando um grande sonho recebendo essas incubadoras da Prefeitura de Araripina. A UTI Neonatal vai, com certeza, ajudar a salvar muitas vidas! O HMSM só tem a agradecer essa parceria com a prefeitura que tem nos ajudado muito, sobretudo neste momento de pandemia”, disse irmã Fátima Alencar.

A parceria entre as duas instituições garante à população o atendimento médico na UPA 24h e no HMSM, além dos serviços de obstetrícia para partos e vários exames laboratoriais. Somente para a manutenção destes serviços, a Prefeitura de Araripina, através do Fundo Municipal de Saúde, repassou para a OS, em 2020, R$ 10.022.558,26. E até abril de 2021, já são R$ 3.287.160,20 para a manutenção dos serviços médicos disponíveis para a população de Araripina e região do Araripe, totalizando R$ 13,3 milhões.

Com a chegada da pandemia da Covid-19, os esforços para salvar vidas foram intensificados. Um convênio firmado entre as instituições cedeu a administração da UPA 24h para o Instituto das Medianeiras da Paz e, com isto, a emergência do HMSM foi transferida para a UPA 24h abrindo espaço físico para a chegada dos leitos de UTI para tratamento da Covid-19.

Além deste convênio, a prefeitura faz, mensalmente, desde abril de 2020, o repasse para a manutenção dos leitos intermediários de tratamento de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e dos leitos de UTI. De abril de 2020 até abril de 2021, a Prefeitura repassou R$ 7.324.858,50 para o combate ao coronavírus no Hospital e Maternidade Santa Maria.