Prefeito reclama do péssimo serviço prestado pela Compesa em Araripina, e diz que vai tomar as providências em relação a esse problema

Por volta das 22:30 da noite de terça-feira (11-02), o prefeito do município de Araripina-PE gravou um vídeo para lamentar o péssimo serviço prestado pela Companhia Pernambucana de Saneamento no município.

Segundo o gestor um vazamento de água teria danificado a pavimentação asfáltica de uma das ruas onde foi feito o serviço dias atrás. Não é a primeira vez que isto acontece, várias ruas já foram danificadas, como por exemplo o calçamento da Rua da Liberdade.

Os moradores do município que fica distante 690 quilômetros da capital Recife tem que conviver á vários anos com o sistema de racionamento, na qual o fornecimento da água ocorre entre 15 ou 20 dias, uma realidade bem diferente de outros municípios que dispõe de água nas torneiras todos os dias ou a cada três na semana.

Outro município que enfrenta o mesmo problema de falta do líquido precioso e problemas na infraestrutura causados pelo péssimo serviço prestado pela Compesa é Petrolina, no Sertão do São Francisco. O que chama a atenção é que a cidade fica á beira do Rio São Francisco e mesmo assim a população reclama do serviço da Compesa. Só que lá o gestor Miguel Coelho travou uma luta com a estatal e deve nos próximos dias anunciar uma nova licitação para uma outra empresa assumir o saneamento e abastecimento da cidade.

No caso de Araripina o prefeito Raimundo Pimentel disse no vídeo que tomará as devidas providências quanto ao mau serviço prestado pela companhia no município.

Fabrício Feitosa / AF Newss / Redação / Foto e Vídeo: Reprodução