InícioAraripina em FocoPrefeito de Iaciara-GO é preso por extração de madeira ilegal

Prefeito de Iaciara-GO é preso por extração de madeira ilegal

Este episódio ocorreu em
2012. Como está correndo forte nas mídias sociais e não publicamos na época,
aproveito a oportunidade.
Um caminhão carregado de
toras de madeira, de propriedade do então prefeito de Iaciara, nordeste de
Goiás, Quintino de Paula, foi apreendido.
Ao saber da apreensão, o
prefeito foi até o local onde o caminhão estava e o levou para casa. Após esse
fato, o Promotor Douglas Chegury foi à prefeitura “bater um lero” com
o chefe do executivo local.
Após um intenso bate-boca,
o prefeito foi preso em flagrante e algemado em praça pública, por
desobediência. 
Tudo filmado.
Assista… 

Dias depois, em 11 abril
de 2012, o Ministério Público de Goiás desencadeou uma força-tarefa de combate
a crimes ambientais na região nordeste de Goiás, área de atuação do promotor
Douglas Chegury.
No primeiro dia, a
Operação Mão de Ferro destruiu 81 fornos em carvoarias clandestinas, apreendeu
245 metros cúbicos de carvão, 653 toras de madeira e aplicou R$ 220 mil em
multas. Quatro pessoas foram detidas.
As equipes, com
representantes do Ministério Público, da Secretaria do Meio Ambiente e dos
Recursos Hídricos (Semarh), do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos
Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e das Polícias Civil e Militar, atuaram
simultaneamente nos municípios de Posse, São Domingos e Iaciara.
Nelas, os agentes
identificaram áreas desmatadas ilegalmente, que, somadas, chegam a 66 hectares
de cerrado.
Ex-prefeito deixa caos
total em Iaciara (Jan 2013)
O prefeito de Iaciara,
Aguinaldo Ramos, do PSB, sabia que encontraria o caos, mas não o caos do caos.
O ex-prefeito Quintino de Paula deixou a prefeitura praticamente quebrada.
Só a dívida do Fundo de
Previdência do Município supera 4 milhões de reais. Ele, que não pagou o
salário de dezembro e o 13º dos funcionários, descontava a parcela dos
empréstimos consignados dos servidores e repassava para as financeiras.
O papagaio dos consignados
chega a 1 milhão de reais. A dívida total chega a 8 milhões de reais. Mas o
prefeito ainda não conseguiu levantar todos os dados — dada a desorganização da
máquina administrativa.
O ex-prefeito levou os
computadores com os dados contábeis do setor público. “Estamos esperando a
entrega da documentação até o dia 15”, disse.
Diante do descalabro, as
contas da prefeitura estão bloqueadas pela Justiça.
Aguinaldo Ramos descobriu
vários carros da prefeitura abandonados na beira de rodovias. A maioria está
sucateada. Uma ambulância está há seis meses em Posse, supostamente para
conserto.
Há várias inacabadas, mas,
surpreendentemente, inauguradas. Enquanto o povo de Iaciara sofre, o
ex-prefeito Quintino diverte-se em Goiânia.
Fonte:Jornal Opção
RELACIONADOS