Policiais militares de Picos alvejam carro de promotor de Justiça,Tenente- coronel Viana explica o caso

22/07/2016 14h19

Os policiais militares do município
de Picos, descaracterizados, alvejaram o carro do promotor de Justiça, Eduardo
Plácido, que atua no município de Bom Jesus, na noite de quarta-feira
(20). Apesar dos tiros o promotor não foi atingido.

Informações iniciais dão
conta de que os Pm’s pensavam se tratar do carro de um bandido. Já o promotor
imaginava que fossem pistoleiros, devido a sua participação em uma operação que
prendeu um prefeito e dois advogados no Piauí.

A informação foi
confirmada pelo comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar em Picos, tenente-
coronel Edwaldo Viana, que ainda declarou que os policiais e o promotor foram
ouvidos, e as armas apreendidas para a realização de perícia.
“Na noite de quarta-feira estávamos fazendo uma blitz para prender uma quadrilha de arrombadores da
região. Estávamos com as características de um carro de um grupo que havia
feito assaltos e arrombamentos na cidade e o promotor estava em um carro com
essas mesmas características.  O promotor
não sabia que estávamos realizando blitz, inclusive com carros
descaracterizadas da PM e policiais a paisana, ele chegou a perceber uma
movimentação em uma estrada da zona rural, onde estávamos no povoado
Torrões,  e pensando que era bandido ele
deu ré e voltou, a polícia solicitou que ele parasse o veículo, mas o mesmo
acelerou e nesse momento  foi efetuado
disparos contra o carro, o promotor ficou nervoso e acelerou, só parando o
carro depois que o pneu furou”, explica o comandante.
Ainda, de acordo com a
polícia o promotor tinha saído para jantar e está atuando recentemente na
comarca. “O promotor atua em Bom Jesus e recentemente chegou em Picos, e não
conhecendo a cidade foi parar longe do centro, onde estamos realizando a blitz,
no qual na ocasião foram fechados as principais vias de acesso a cidade. No fim
foi um mal entendido, que já está resolvido”, ressalta Viana. (Fonte: Portal Az)

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro