Para José Agripino, o impeachment agora é inexorável

03/03/2016 21h06
O presidente do
Democratas, senador José Agripino (RN) considerou gravíssimas as informações da
delação premiada do senador Delcídio Amaral divulgadas hoje, 03, pela revista
Istoé.
“A se confirmarem os
termos da delação de Delcídio, o governo acabou”, afirma o senador.
“O impeachment é
inexorável, não tem por onde correr”, sentencia Agripino.
Na delação premiada,
Delcídio Amaral acusa a presidente Dilma Rousseff de atuar três vezes para
interferir na Operação Lava Jato por meio do Judiciário.

Delcídio também afirmou
que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tinha pleno conhecimento do
propinoduto instalado na Petrobras e agiu direta e pessoalmente para barrar as
investigações.

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro