Ministério Público diz que ação contra Celpe não foi por causa de Eduardo da Fonte

Por - 18/05/2016
O Ministério Público de
Pernambuco (MPPE) negou, em nota enviada ao Blog de Jamildo nesta quarta-feira
(18), que tenha ajuizado ação contra a Companhia Energética de Pernambuco
(Celpe) para acatar um pedido do deputado federal Eduardo da Fonte (PP).
A nota explica que a ação
pública em que Eduardo da Fonte tentou pegar carona foi ajuizada pela 18ª
promotora de Justiça de Defesa do Consumidor da Capital, Liliane Rocha, no dia
13 de junho de 2014.

A solicitação foi feita
pelo parlamentar em fevereiro, para tentar obrigar a Celpe a ressarcir os
pernambucanos dos prejuízos provocados pelo apagão ocorrido no dia 29 de
janeiro.