Mais de um milhão de internautas assinam petição que pede cassação de Cunha

22/04/2016 18h10
Mais de um milhão de
internautas já assinaram uma petição online pedindo a cassação do mandato do
presidente da Câmara, deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ).
O peemedebista é acusado
de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no Supremo Tribunal Federal (STF).
Ele é suspeito de exigir e receber ao menos US$ 5 milhões em propina de um
contrato do estaleiro Samsung Heavy Industries com a Petrobras.
A campanha, hospedada na
plataforma global Avaaz, foi criada em outubro do ano passado, mas viu o número
de assinaturas explodir após a votação pela abertura do processo de impeachment
contra a presidente Dilma Rousseff (PT), conforme informações do jornal Extra.

Segundo o coordenador de
campanhas no Brasil e membro da Avaaz, Diego Casaes, há cinco anos, a petição
havia conquistado 250 mil apoiadores até o fim do ano passado. Um primeiro boom
foi identificado quando as notícias sobre contas na Suíça do deputado foram
divulgadas, mas o ritmo de adesões havia arrefecido.  

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro