Luciano Capitão esclarece a rígida posição contra a desordem no plenário

06/04/2016 18h13
A Câmara Municipal de
Araripina, não pode fazer juízo antecipado sem antes ter um PARECER da comissão
de Justiça e Redação, sobre qualquer assunto legislativo, que obrigatoriamente
tem que  obedecer ao regimento interno
desta Casa Legislativa.
A Comissão ainda aguarda a
documentação solicitada da Prefeitura Municipal e o PARECER da Procuradoria
Municipal e do Ministério Público para analisar e deliberar para CRIAÇÃO DE
CARGOS, e assim obter autorização para realizar o Concurso Público Municipal,
algo que não poderia ocorrer na reunião do dia 31/03.
Pelo não entendimento de
algumas pessoas que tentaram bloquear a fala do vereador, através de gritos,
vaias e outras formas de desrespeito às autoridades ali presentes, o Presidente
necessitou ser forte e rígido (exercendo a sua função na câmara), em respeito a
grande maioria da pessoas que estava no plenário, para ouvir os entendimentos
jurídicos do trâmite legal, e para um debate democrático.
Por fim, o Presidente
Luciano Capitão, aguarda o relatório da comissão, para então colocar em
pauta  a CRIAÇÃO DE CARGOS na sessão em
plenário.
Luciano Capitão

Presidente da Câmara
Municipal de Araripina

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro