Um mato-grossense-do-sul de 21 anos foi preso em flagrante por tráfico de drogas na terça-feira (12), por volta das 12h, durante a primeira apreensão de cocaína do ano de 2021 realizada pela Polícia Federal (PF) no Aeroporto Internacional do Recife-Guararapes/Gilberto Freyre, no bairro da Imbiribeira, na Zona Sul da cidade. Com o homem, os policiais encontraram 1,2 quilo do entorpecente.

Ao desembarcar no Recife em um voo que saiu de Campo Grande e fez conexão em Campinas (SP), ele foi abordado durante uma fiscalização de rotina que tem como objetivo reprimir o tráfico internacional e doméstico de drogas. Segundo a PF, o nervosismo, a inquietação e a impaciência demonstradas pelo auxiliar de serviços gerais que nasceu e morava em Corumbá (MS) chamaram a atenção dos policiais.

A Polícia Federal informou que, quando os agentes abriram a mala do homem, que não possui antecedentes criminais, encontraram um cilindro metálico. O objeto foi levado para uma oficina mecânica, onde foi aberto, sendo constatada a presença de um pó branco. O exame narcoteste, realizado em seguida, resultou positivo para cocaína.

Além da droga, também foram apreendidos passagem aérea, cartão de embarque, celular e a peça metálica na qual a cocaína estava escondida. O homem, que não teve o nome divulgado, foi levado para a Superintendência da Polícia Federal no Cais do Apolo, no Bairro do Recife, na área central da cidade, onde foi autuado pela prática do crime de tráfico de entorpecentes. Se for condenado, pode cumprir penas que variam de 5 a 15 anos de prisão.

Depois da autuação, o preso foi encaminhado para realizar exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro, na área central do Recife, e passou por audiência de custódia. Durante a sessão, a Justiça confirmou a prisão preventiva dele.

G1 PE / Imagem: Divulgação PF