O governo de Pernambuco emitiu nota, na tarde desta sexta-feira (29), esclarecendo os boatos de que o gabinete de gestão de crise estadual apresentaria um plano para reabertura das atividades econômicas a partir de 1º de junho.

Segundo o comunicado, o governo explica que “não liberou o comércio ou qualquer outra atividade em municípios do interior ou da Região Metropolitana do Recife.


Algumas das fake news que circulam nas redes sociais, desde a manhã desta sexta, dão conta de que o governo pretendia reabrir estabelecimentos comerciais como salões de beleza, oficinas de costura elojas de tecido já no dia 1º de junho. Ainda segundo as notícias falsas, o governo já teria reaberto, na primeira quinzena do mês, shoppings, clubes, bares e restaurantes, além de permitir realização de shows e festas públicas e particulares.  


Os boatos ganharam força após a prefeitura do Recife anunciar um “plano de convivência”, que prevê a reabertura de atividades econômicas e de lazer. A capital deve sair do isolamento mais rígido determinado pelo governo do estado a partir da próxima segunda-feira (1º). A PCR, no entanto, ainda não divulgou o plano de reabertura. 


Ainda de acordo com a nota do governo do estado, já existe um plano para a reabertura economia, mas este ainda não foi divulgado. 
Confira a nota do Governo de Pernambuco

O Governo de Pernambuco esclarece que não liberou o comércio ou qualquer outra atividade em municípios do interior ou da Região Metropolitana do Recife. O governo ressalta que tem um plano de retomada da economia, mas os detalhes só serão apresentados na próxima segunda-feira.

Diário de Pernambuco