Enquanto o prefeito lança seu pré-candidato, vereadores vão até o Ministério Público Federal denunciar o atraso nas obras da Operação Paradise.

Por - 30/04/2016
Na noite da sexta-feira (29), o motivo para alguns foi
de festa, comemoração partidária, pois era o momento em que estava sendo
lançada oficialmente a pré-candidatura do vereador Tião do Gesso para prefeito
de Araripina, candidato do prefeito Alexandre Arraes (PSB), posteriormente
também do palácio.
Mas enquanto essa festa rolava, mal sabiam eles, que
cinco vereadores do município de Araripina, escolheram o maravilhoso dia de “festa alaranjada” para fazer mais
uma denuncia contra os atrasos da obras de Creches, Escolas e Quadras
no município de Araripina.

As denuncias segundo os vereadores foram baseadas conforme as denuncias feitas pela Operação
Paradise
, também no prazo de entrega das obras e no repasse da verba feita
para a prefeitura. Antes de juntar todas essas provas, os vereadores fizeram uma visita a todas as obras que estão envolvidas na Paradise.

Os vereadores Luciano Capitão (PMDB) Presidente da
Câmara, Bringel Filho (PSDB), Camila Modesto (PMDB), Doval da Saúde (PC DO B) e
Adeval Regis (PMDB)
foram até a sede do Ministério Público Federal que fica na cidade de Salgueiro, PE, para entregar
a documentação da denuncia.
O que será que podemos pensar dessa atitude dos vereadores
em fazer uma nova denuncia?!
Será que ainda existe chance desse processo da Operação
Paradise resultar em alguma punição para o gestor municipal?

Ou será que o processo foi realmente arquivado, como disse
o vereador Francisco Edivaldo em uma entrevista na rádio?
A população de Araripina quer saber como está o andamento do processo!