Empresa que recolhe o lixo de Araripina está em greve por falta de pagamento

Por - 22/04/2016
Há dois dias foi
levantado um questionamento sobre o contrato de 5 milhões estendido de
forma irregular pela prefeitura de Araripina com a empresa MAC Construções e
Serviços.
A imagem de um
caminhão-caçamba realizando o recolhimento do lixo urbano na cidade feita por
um vereador, e publicada na última quarta-feira, na sua pagina do facebook, remete
todo seu contrassenso. Outra foto registrada na manhã desta sexta-feira (22), onde
mostra o serviço de coleta do lixo paralisado por questões de débito da
prefeitura. “Estamos em greve por pagamento dos salários“, diz um
faixa pendurada em um dos caminhões da firma.
Na sessão do dia 7 de
abril, o vereador Luis Henrique 
apresentou à Câmara um requerimento (031/2016)  aprovado em plenário e assinado, também, pelos
vereadores Luciano Capitão, Camila Modesto, Evilásio Mateus, Sandoval Batista,
Genival da Silva, Adeval Régis, Aurismar Pinho e Bringel Filho.
O documento requer à
prefeitura de Araripina cópias do edital, contrato, notas fiscais, notas de
empenho e comprovantes de pagamentos, relativas ao vínculo entre a MAC/Prefeitura.
–“Queremos investigar a
postura dessa gestão pública que age, escancaradamente, cometendo verdadeiros
abusos, inclusive de ordem econômica e legal, sem que qualquer penalidade seja
aplicada a estes infratores”, disse Luis.
Com relação a greve da
empresa, só mostra mais uma vez a falta de compromisso do gestor com o povo.