sexta-feira, outubro 22, 2021
InícioAraripina em FocoDetento liderava grupo desarticulado na operação 'Hades' no Sertão de PE

Detento liderava grupo desarticulado na operação ‘Hades’ no Sertão de PE

Parte do material apreendido durante a Operação Hades no Sertão de Pernambuco (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um presidiário de 40 anos
era o líder do suposto grupo criminoso desarticulado na “Operação
Hades” no Sertão de Pernambuco. No total, 23 pessoas foram presas – sendo
três mulheres – e duas estão foragidas. A informação foi divulgada pela Polícia
Civil em uma coletiva de imprensa na manhã de ontem terça-feira (26), no Recife.
De acordo com a polícia,
as investigações tiveram início em dezembro de 2015 e a ação ocorreu nas
cidades de São José do Egito, Itapetim, Salgueiro, Verdejante e Arcoverde.
Ainda segundo a Polícia
Civil, o líder da organização está recluso no Presídio de Salgueiro e comandava
o grupo de dentro da unidade prisional. “As investigações começaram após
um suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas ter sido assassinado”,
conforme informou a polícia.
O presidiário mandava
jovens entre 18 e 25 anos venderem drogas no Sertão do estado, de acordo com a
polícia. O suposto líder foi autuado por tráfico, associação para o tráfico de
drogas e organização criminosa.
Durante as investigações a
polícia apreendeu 104 gramas de crack, 2,1 kg de maconha, R$ 1.142 em dinheiro,
uma moto e 16 celulares.
Detentos
integravam o grupo

Sete detentos faziam parte
do grupo desarticulado pela Polícia Civil na quinta-feira (21). “São
pessoas que estão em unidades prisionais de São José do Egito, Verdejante,
Arcoverde e Salgueiro. Eles participavam do grupo por meio de celulares”,
informou ao G1 o delegado Lamartine Fontes.

Ao G1, o delegado explicou
que – com estes novos mandados – as penas dos detentos podem aumentar.
“Também será impedido que eles saiam das unidades prisionais. Todos os
presidiários já foram identificados”, detalhou.
RELACIONADOS