Desespero leva prefeito a divulgar informações mentirosas

27/06/2016 18h43
Antes mesmo de começar a
campanha eleitoral, o grupo do prefeito já cometeu ilegalidade, divulgando
pesquisa sem o registro no TRE, que configura crime eleitoral.
O diretório do PMDB de
Araripina vem, através de nota oficial, manifestar sua total indignação perante
a ineficaz tentativa de manipular a opinião pública da situação, ao vincular em
blogs dados inconsistentes de uma suposta pesquisa no município, considerando
que uma vez que não tem registro, qualquer informação pode ser fruto de
manipulação.
A legislação brasileira
proíbe a divulgação de pesquisas sem o devido registro nos órgãos da Justiça
Eleitoral exatamente para impedir a apresentação de dados fraudulentos e
evitar, com isso, que o eleitor seja enganado.
Não se pode assegurar sequer
que uma pesquisa sem o registro da Justiça Eleitoral tenha sido realizada e,
menos ainda, que os dados vinculados estejam dentro da realidade, já que não
passam por nenhum controle e portanto facilmente manipuláveis.
A pré-candidatura do médico
Valmir Lacerda Filho nasceu do sentimento popular as ruas mostram, em seus
movimentos sociais o desejo de por fim a ilegalidade, a mentira e por isso
manifestam o desejo pelo melhor.
Por respeito às leis e ao
povo de nosso município, jamais tornaremos pública uma pesquisa sem registro,
realizada para consumo interno, facilmente manipulável. Não vamos usar da
ilegalidade, ao contrário vamos combatê-la.
Lamentamos que o grupo do
prefeito de Araripina, antes mesmo do período de campanha, recorra aos antigos
artifícios, enganando o povo e, de modo ilegal, tente frear o crescimento da
pré-candidatura de Valmir Lacerda Filho. O corpo jurídico do partido, seguirá
atento e denunciará qualquer conduta que vá de encontro a lei e tente ludibriar
o povo. Tomaremos as medidas cabíveis, inclusive no âmbito judicial. As pessoas
querem viver uma política limpa e teremos o mais absoluto zelo a esse desejo,
Os brasileiros estão cansados de corrupção, de fraude de ilegalidade, este
estado de imoralidade precisa ter fim.
Nota do Presidente do PMDB
em Araripina Pernambuco

José Valmir Ramos Lacerda 

Sobre o Autor

Allyne Ribeiro