Daniel Coelho: “João Paulo e Geraldo representam a continuidade do que está aí. Nossa candidatura é a real mudança”

Por - 25/07/2016
Por Edmar Lyra 
O diretório municipal do
PSDB no Recife realizou na manhã deste domingo sua convenção, em que confirmou
o nome do deputado federal Daniel Coelho como candidato do partido à Prefeitura
do Recife. O ato, realizado na sede da sigla, no Derby, contou com a
participação de diversas lideranças do partido, e possibilitou ao postulante
tucano a oportunidade de apresentar seu discurso para a campanha, que deve ser
pautado no que ele considera ser um “desejo de mudança da população” e não da
continuidade, “representada pelas candidaturas de Geraldo Julio e João Paulo”.
“O Recife é uma bela cidade,
tem um povo guerreiro, um povo trabalhador e merece muito mais do que tem
recebido da atual gestão. Os impostos são caros e os serviços muito ruins. A
gente precisa fazer funcionar os equipamentos públicos. (Eleição) Não é somente
o concurso de promessas, sair dizendo que vai fazer novas unidades na saúde e
na educação. É preciso fazer funcionar. A população precisa ser tratada com
respeito. Ao chegar num posto de saúde, ela precisa ser tratada com carinho,
precisa ser compreendida. A gente tem muita preocupação com o que está
ocorrendo hoje no Recife e com o que está acontecendo na política”, afirmou
Daniel Coelho.

Na visão do candidato do
PSDB, essa campanha tem duas alternativas. “Uma é da continuidade desse modo
atrasado de fazer política, que é representado pelas candidaturas de Geraldo e
João Paulo; a outra, é uma alternativa concreta de mudança na maneira de fazer
política, que é a nossa candidatura. Então isso vai ficar muito evidente ao
longo do processo. Esses dois candidatos governaram de maneira muito parecida,
incharam a máquina, criaram novas secretarias, cargos comissionados,
burocratizaram a gestão pública e está aí o resultado que a gente vê hoje: o
Recife com péssimos índices na educação, com um serviço de saúde muito aquém do
que a gente vê em outras capitais”.