Prefeito de Serrita Aleudo Benedito


Apesar da crise sanitária que o País e, consequentemente Pernambuco vivencia, o prefeito de Serrita, no sertão do estado, parece não se importar com a saúde do seu município. Pelo menos, é o que alega o presidente da Câmara da cidade, o vereador de oposição, Florida Coelho, mais conhecido como Doda Sampaio (PSD). O parlamentar acusou publicamente, nas redes sociais, que o prefeito Aleudo Benedito (MDB), se recusa a liberar a contrapartida, no valor de R$ 25 mil, para aquisição de uma nova ambulância.

Doda, que por meio de articulação política, conseguiu com a deputada estadual, Roberta Arraes (PP), uma emenda parlamentar no valor de R$ 80 mil, que já foi creditada na conta da Prefeitura de Serrita, desde o dia 12 de fevereiro, deste ano, para aquisição da nova ambulância; afirma que o valor ainda não foi utilizado pelo atual chefe do Executivo, e o dinheiro pode ser devolvido por falta de uso.

Já Aleudo, afirmou que ao assumir a gestão de Serrita, este ano, reformou e modernizou toda frota de ambulâncias, que estava parada no pátio da prefeitura, mantendo todas em funcionamento, e que nenhum munícipe de Serrita está deixando de ser atendido no transporte de urgência e emergência em saúde. O prefeito disse ainda em nota, que o valor creditado não chega aos R$ 80 mil, e que o mesmo não será devolvido, porém, será necessário avaliar o momento certo para aquisição da nova ambulância, visto que, neste momento, há outras prioridades na saúde, como: cilindros de oxigênio, medicamentos e profissionais de saúde. Por fim, o chefe do Executivo disse que a prioridade é governar com transparência, compromisso e qualidade na prestação dos serviços ao povo serritense.

Fala PE