O primeiro caso suspeito de coronavírus de Pernambuco está sendo investigado. A paciente, que estava voltando da Itália em um voo com escala em São Paulo, chegou no Recife na noite dessa terça-feira (25). Antes mesmo do pouso no Aeroporto Internacional do Recife, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) notificou uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), que aguardou a mulher com suspeita da doença ainda na pista de voo.

A caruaruense de 51 anos está em atendimento no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), no bairro de Santo Amaro, região central do Recife, aguardando o resultado dos exames que devem comprovar ou não a existência do vírus no corpo dela. De acordo com Leonardo Gomes, coordenador geral do Samu metropolitano do Recife, o serviço estava apto para lidar com o chamado da Anvisa. “A equipe do Samu foi usando os materiais de proteção individual, e a paciente não chegou a passar nem no saguão do Aeroporto. Ela saiu da pista do Aeroporto dos Guararapes diretamente para o Oswaldo Cruz”, esclareceu.

Folha de PE / Foto: Reprodução