InícioRegião do AraripeAraripinaAraripina - População se revolta com atitude da fiscalização da PMA em...

Araripina – População se revolta com atitude da fiscalização da PMA em retirar uma banca de Camarão na praça da igreja

Um episódio que aconteceu na manhã desta sexta-feira (23), na cidade de Araripina, no Sertão de Pernambuco, deixou a população muito revoltada. Uma senhora estava vendendo camarões em uma banca na praça da Igreja Matriz, quando foi surpreendida pela equipe da fiscalização da prefeitura municipal de Araripina.

Nossa equipe entrou em contato com a vigilância sanitária do município, eles informaram que pelas normas sanitárias o comércio daquele produto, coloca em risco a saúde das pessoas. Por isso tem que ser vendido ou comercializado em um local apropriado.

O Secretário de Tributos, Paulo Teogenes, conversou com a nossa redação – “Nossa equipe foi acionada para fazer uma fiscalização na praça, onde identificamos a comercialização inapropriada de camarões, que estava sendo vendido em uma banca. Então, conversamos com a proprietária e oferecemos o espaço do Hortifrutigranjeiro para ela poder comercializar o produto. No entanto, a vigilância sanitária foi acionada também,  e ao chegarem no local, detectaram que o produto estava armazenada de forma inadequada e precisava ser armazenado em um recipiente refrigerado, por isso foram tomadas as medidas de apreensão da mercadoria, por se tratar de um produto que colocava em risco a saúde da população”, disse o Secretário.

O secretário informou ainda que a Secretaria de Tributos está sempre orientando aos comerciantes e pessoas que tem o interesse de comercializar qualquer tipo de produto, ou alimento, que se adéquem às normas, tanto fiscais, quanto sanitárias.

Veja o vídeo

 

Damião Sousa/Araripna em Foco/Foto: Divulgação

RELACIONADOS