Apesar de poucas chuvas já é possível encontrar frutas típicas do Sertão do Araripe

25/03/2021 16h02

A pouca chuva que caiu aqui no Sertão do Araripe nesses três primeiros meses do ano já garantiu o aparecimento de frutas típicas apreciadas pela população que reside em um dos 10 municípios que compõe a região localizada ao sopé da Chapada do Araripe. As frutas encontradas facilmente na zona rural dessas cidades são ricas em vitaminas e sais minerais que muitas das vezes não é aproveitado pelo pessoal que mora aqui.

As espécies mais encontradas nesse período que antecede a chegada da semana santa são aquelas mais cítricas como a pitomba, graviola, acerola e o umbu. Aqui na cidade de Araripina a localidade da Serra do Cavaco é um ambiente bastante procurado nessa época devido a existência do cultivo desses frutos em propriedades particulares. Alguns desses produtos costumam vender na feira livre e outros utilizam apenas para consumo próprio. Nesse caso tem como o interessado negociar diretamente com o proprietário, pois essas frutas quando trazidas para serem comercializadas na zona urbana acabam logo.

Com o consumo desses alimentos muitos benefícios são trazidos ao corpo, sendo o ideal consumi-los em natura ou na forma de sucos. É comum os moradores locais nessa época utilizarem essas frutas para fazer compotas e doces, porém, fazendo essa opção acaba perdendo nutrientes importantes e adicionando mais açúcares às receitas o que faz mal para a saúde. Dá para desenvolver também o lado empreendedor e fazer picolés, compotas e outras delícias da cozinha sertaneja para comercializar de casa mesmo.

Na maioria das cidades Araripeanas o ponto certo para encontrar essa fartura é nos sítios e serras, além do cultivo em propriedades privadas os moradores encontram essas frutas literalmente no meio do mato em terrenos pertencentes à união e nesse caso adentram mata adentro em buscas desses alimentos em especial os vários tipos de umbu que é achado em abundância. Já as outros frutos como Graviola e Pitomba é mais localizado em propriedade particular.

Segundo informações da UNIMED Saúde. além de ser ricas em vitamina C essas frutas encontradas aqui ainda age na prevenção ao envelhecimento precoce e combate gripes e resfriados, além de conter o potássio que atua na circulação e pressão arterial. O consumo regular de frutas cítricas colabora para diminuir o LDL (colesterol ruim) e os triglicerídeos. Com isso, podem prevenir infartos e acidentes vasculares cerebrais.

Redação Araripina em Foco / Imagem: Danilo Rodrigues

Sobre o Autor

Araripina em Foco