NAUTICO PROCON ARARIPINA EM FOCO
NAUTICO PROCON ARARIPINA EM FOCO


O time Pernambucano é autuado pelo PROCON por descumprimento do decreto de regras de restrição. O clube Náutico do Capibaribe  promover uma festa em comemoração ao título de campeão pernambucano, conquistado após a vitória contra o Sport. De acordo com o órgão, cerca de cem pessoas estavam aglomeradas e algumas sem máscaras no primeiro andar do clube, no bairro dos Aflitos, Zona Norte do Recife.

Esses eventos estão proibidos no estado de Pernambuco como medida de prevenção ao Covid-19. O decreto com as restrições estava previsto até o dia 23 de maio, no entanto foi prorrogado até o dia 06 de junho. Segundo o órgão, na comemoração na sede do Náutico, as pessoas estavam sem máscaras de proteção e não havia distanciamento social, além de serem oferecidas comidas e bebidas. Segundo o Procon, como as aglomerações foram geradas por torcedores “foi lavrado um auto de constatação”, Que é um documento emitido pelo fiscal do CRBm-1 no qual consta a irregularidade do profissional e/ou do estabelecimento.

O PROCON por meio de uma nota comunicou que “No momento da fiscalização, foi informado que, caso houvesse nova aglomeração o clube, seria interditado e os responsáveis levados à delegacia para prestar esclarecimentos”.

o Procon chegou ao local nesse momento, determinou o encerramento da comemoração e “foi prontamente atendido, com todos saindo de imediato”. De acordo com o Náutico, não foi autorizado, mas mesmo assim houve presença de torcedores na sede.

O clube Náutico do Capibaribe também se manifestou por meio de uma nota “logo após o final do jogo, dirigentes, comissão técnica e atletas (todos credenciados e testados) se dirigiram até a sala de troféus, com o objetivo de guardar a taça e confraternizar com familiares… “O acesso foi bloqueado por seguranças particulares e pela Polícia Militar, corporação que teve apoio fundamental”, disse ainda o clube.”