A cada dia que passa, as equipes que trabalham para encontrar os corpos no mar de lama em Brumadinho, Grande Belo Horizonte, encontram mais dificuldades para chegar nas partes mais fundas, onde possivelmente, encontrarão os 248 desaparecidos.

Segundo as equipes, o número de mortes chegou a 115 e ainda há 248 pessoas desparecidas. Dos 115 corpos encontrados, 71 já foram identificados usando ossos e a arcada dentária.

Na última sexta-feira (01), o dia também foi marcado por por homenagens das autoridades de segurança que trabalham na megaoperação.


Redação do AF Newss/Foto: Douglas Magno.